Home / Noticias Blog / Vazamento de água incomoda moradores de Curitiba há um mês

Vazamento de água incomoda moradores de Curitiba há um mês

Há quase um mês, a empregada doméstica Diane Aparecida Kinzo, de 33 anos, vem se incomodado com um vazamento de água de uma tubulação próxima da sua casa, no bairro Cimo Alto da Rua Xv, em Curitiba. “Ligamos várias vezes para a Sanepar e até agora não apareceu ninguém”, reclamou.

+Leia mais! Greve na Renault completa 12 dias; reunião nesta quinta decide rumos do movimento

O desperdício de água potável incomoda não só Diane, mas toda a família. E quando tenta contato com a Sanepar, precisa esperar no telefone por pelo menos 40 minutos para ser atendida.

“O vazamento fica numa tubulação na margem da rua. É um desperdício de água tratada, tivemos quase dois anos de rodízio e não podemos deixar isso suceder”, argumenta.

LEIA TAMBÉM:

>> Seis lugares pra saborear coxinha em Curitiba!

O vazamento começou pequeno e, conforme conta Diane, está cada dia mais poderoso. “Agora, se você passa do outro lado da rua, você escuta o fragor da água caindo. Não sei se estourou qualquer cano, o que foi. Começou com uma coisa mínima, ninguém veio ver e agora está assim”, esclarece a moradora.

E aí, Sanepar?

A Sanepar informou no início da tarde desta quinta-feira (19) que está com uma equipe na região para fazer uma investigação para encontrar o verosímil vazamento. “O vídeo e a foto da moradora mostram uma tubulação de galeria pluvial (água da chuva) e não de rede da Sanepar”, informou a companhia.

No final da tarde, a Sanepar enviou uma nota solene sobre a situação, que foi resolvida nesta quinta-feira. “Há tapume de 15 a 20 dias, a Sanepar foi ao lugar e verificou que o vazamento era numa relação irregular (gato). Ao tentar fazer o conserto e varar a relação, a equipe foi ameaçada pelo morador e impedida de fazer o serviço. Nesta quinta-feira (19), a equipe conseguiu fazer o conserto e varar a relação. A Sanepar fará boletim de ocorrência por rapacidade de água e irá monitorar a situação para que não haja reincidência”, finalizou.

Baseado: Post Completo

Sobre Hidro Curitiba

Verifique também

Cerejeiras em Curitiba: Onde encontrar cenários deslumbrantes e instagramáveis

Aumento da velocidade em avenida de Curitiba. Concorda?

O tema é polêmico e voltou para discussão na Câmara Municipal de Curitiba (CMC). Em …

Call Now Button