Home / Noticias Blog / Sanepar avança no aproveitamento energético do biogás

Sanepar avança no aproveitamento energético do biogás


Gasômetro foi instalado na ETE Atuba Sul


17/12/2021

Na quinta-feira, Companhia instalou equipamento em multíplice de secagem de lodo na ETE Atuba Sul em Curitiba

A Sanepar intensifica o processo de aproveitamento energético a partir do biogás oriundo do tratamento de esgoto. A Companhia, que já opera a primeira estação do país com geração distribuída de força elétrica movida a biogás, avança neste procedimento com a instalação de um equipamento de armazenagem do gás da Estação de Tratamento de Esgoto Atuba Sul, em Curitiba.

O novo equipamento, um gasômetro com capacidade de armazenar 2.100 metros cúbicos de biogás, faz fração do multíplice de secagem de lodo, que está sendo implantado na ETE Atuba. Em formato circundar, tem 12,6 metros de profundeza, 16,8 metros de diâmetro, com duplo revestimento. Internamente, uma membrana de poliéster funciona em razão de um balão inflável. O revestimento extrínseco é de lona de PVC com tratamento protetivo para radiação ultravioleta.

O biogás armazenado servirá de combustível para a secagem do lodo. E o processo também utilizará o próprio lodo sedento em razão de biomassa, num noção de eficiência energética e economia circundar. A capacidade de todo o sistema será de secar 5 metros cúbicos de lodo por hora.

Essa tecnologia irá substituir o processo convencional de centrífuga e fará com que a Sanepar deixe de enviar para aterro sanitário murado de 3.800 toneladas de lodo por mês.  O novo sistema entrará em operação em abril de 2022. A ETE Atuba Sul é atualmente a maior estação de esgoto do estado, com capacidade de tratar 1.680 litros de esgoto por segundo, atendendo as bacias dos rios Atuba, Bacacheri e fração do Iguaçu.

PIONEIRA – A Sanepar foi pioneira no país a fazer o aproveitamento energético do gás das estações de tratamento de esgoto. Na dez de 1980, em Londrina, o gás foi utilizado em razão de combustível para veículos da Companhia. Em 2008, a ETE Ouro Verdejante, em Foz do Iguaçu, foi a primeira no país a aderir ao sistema de indemnização de força elétrica pelas normas da ANEEL, com força movida a biogás. A ETE Belém, em Curitiba, também contribui na geração de força elétrica por meio da CS Bioenergia. Essas duas estações da Sanepar estão entre as 10 do setor de saneamento mapeadas no Brasil que produzem força a partir de biogás.

Até 2024, a tecnologia de aproveitamento de biogás na geração de força será utilizada em mais oito estações de esgoto da Sanepar, com financiamento já sancionado pelo banco teuto KfW.

A Sanepar tem o maior parque de reatores anaeróbios de esgoto doméstico do mundo, o que a torna com grande potencial de geração de força a partir do biogás. “A Sanepar tem tradição na utilização do biogás e temos um potencial muito grande de aumentar esse uso devido ao grande volume de biogás que já produzimos. Isso traz benefícios ao meio biossistema e também contribuirá para a modicidade tarifária, em razão de preconiza o marco do saneamento”, afirma o diretor-presidente da Companhia, Claudio Stabile.

 

Original: Post Completo

Sobre Hidro Curitiba

Verifique também

As 5 ferramentas mais úteis para desentupir

Por que os produtos químicos para banheiras de hidromassagem são essenciais

Não importa o horário! Basta vincular ou enviar um Whatsapp e logo o seu problema …

Call Now Button

%d blogueiros gostam disto: